Como voltar à academia depois de muito tempo parado?

Ao longo da vida de um homem, surgem muitos imprevistos que atrapalham nossa rotina de treinamento. E, não raro, ficamos meses — ou até mesmo anos — sem pisar na academia.

Como fazer para voltar aos treinos, diminuindo os riscos de lesão e maximizando a retomada, após um longo período parado?

O primeiro passo é entender que você não estará dando uma continuidade ao seu velho treino. Se você parou por uma semana, ok. Mas quando a pausa chega a um mês, você deve fazer a retomada com metade do volume anterior.

É importante, também, pensar no motivo que o fez parar. Se foi por falta de tempo ou vontade, tudo bem. Mas caso tenho sido por alguma dor relacionada ao treinamento, isso é um sinal de que você deve trocá-lo.

Agora, se você passou um ano inteiro sem malhar, é necessário repensar todo o seu treino, afinal você está em busca de mais saúde e não de uma lesão, certo? Deixo algumas dicas abaixo para você que está querendo voltar para a academia.

INTENSIDADE

Muitas pessoas não gostam da sensação de dor tardia que ocorre ao retornar aos treinamentos. Mas é possível evitá-la e, ainda assim, obter resultados. Existem basicamente duas formas de não ficar dolorido:

  • Fazer poucas séries totais
  • Realizar o treino com pouca intensidade

Então realize duas repetições a menos do que você teria capacidade com esforço. Isso ajuda a escapar não apenas da dor, mas de lesões também. Uma musculatura atrofiada, afinal, tem maior risco de dano com movimentos fortes.

FREQUÊNCIA

Há dois pontos fundamentais para alcançar o resultado desejado na sua retomada: motivação e frequência.

Minha sugestão é que se separe dias e horários determinados, tratados com a seriedade de um compromisso profissional, para a realização de cada treinamento. Por exemplo, duas vezes por semana, terça e quinta, às 19 horas. Dessa forma, as chances de você faltar diminuem muito.

VÍDEOS EM DESTAQUE