Se existisse exame de antidopping para telefone celular, suspeito que o iPhone não passaria. Nos últimos anos o smartphone da Apple cresceu mais do que lutador de wrestling sob efeito de anabolizante. Foi um pulo da geração 4 para a 5; outro para a 6; e ainda veio o gigante Plus para barbarizar. Mas agora o iPhone recebeu novas ordens do treinador Tim Cook: secar. Conheçam o iPhone SE, senhoras e senhores, apresentado ontem pela Apple.

1# TAMANHO: A grande novidade do SE está em seu tamanho. Depois das gerações 6 e 6S com tela de 4,7 polegadas, ele está retornado ao tamanho do 5S, com 4 polegadas.

2# ESPECIFICAÇÕES: Mas não pense que a Apple voltou no tempo. O SE pode ter o tamanho do velho 5S, mas sua potência é igual à do irmão maior 6S. Sua câmera é de 12 MP e ele faz vídeos em 4K.

3# PREÇO: O objetivo da empresa com o iPhone SE é aumentar sua presença nos mercados emergentes, pois ele vai custar apenas US$ 399 na versão mais básica, contra US$ 649 do 6S e US$ 749 do 6S Plus. Isso é uma boa notícia para nós, brasileiros, especialmente com o dólar alto de hoje.

4# IPHONE  7: Importante notar que o SE não é a nova geração do iPhone, ok? Trata-se de um modelo especial e popular, tipo o antigo 5C de 2013. O 6S continua sendo vendido e o 7 será apresentado no segundo semestre deste ano.

og