Tite Corinthians
Tite Corinthians

Um tributo do El Hombre a Tite

Tite constrói uma trajetória vitoriosa e histórica pelo Corinthians. Cowboys, depois da conquista do Paulistão 2013, o gaúcho pode se tornar ainda o técnico mais vitorioso do clube alvinegro nesta temporada. Ele é também o responsável sozinho por atingir um dos períodos mais importantes da história do clube. São feitos que o consagram como um ídolo da Fiel e o deixará imortalizado no futebol brasileiro.

A sequência histórica alvinegra, iniciada com a segunda passagem de Tite no Timão, tem o Brasileiro de 2011, a Copa Libertadores e o Mundial de 2012 e o Estadual de 2013. Com um troféu em cada esfera — estadual, nacional, continental e mundial — o clube do Parque São Jorge vive certamente um dos momentos mais vitoriosos de sua centenária trajetória. O diferencial deste atual momento glorioso em comparação à outros tão importantes é justamente o comandante gaúcho, que conquistou tudo sozinho.

Em outro momento marcante, dois técnicos ajudaram a fazer a história alvinegra. Este período de conquistas ocorreu entre 1998 e 2000. Além do Mundial, o Timão levou o Brasileiro duas vezes e o Estadual em uma oportunidade. Vanderlei Luxemburgo (Brasileiro 98) e Osvaldo de Oliveira (Paulista 99, Brasileiro 99 e Mundial de 2000) ajudaram a construir este outro momento importante do clube.

E se não bastasse, com o título do Paulistão de 2013, o gaúcho é, ao lado de Osvaldo Brandão, o técnico que mais ergueu taças na história do Corinthians. Brandão, que comandou o Timão por quatro vezes, também soma quatro taças. Com Brandão, o Corinthians conquistou o Torneio Rio-São Paulo duas vezes (1954 e 1966) e dois Paulistas simbólicos: 54 e 77. Em 1954, o Estadual do quarto centenário da cidade teve um peso especial e iniciou uma longa fila do clube. Este jejum terminou apenas com o título estadual de 1977, novamente com o mesmo treinador.

Com contrato até o fim de 2013, Tite tem a chance de ultrapassar Brandão e tornar-se o técnico que deu mais alegrias para a Fiel. Eliminado da Libertadores nas oitavas de final para o Boca Juniors-ARG, o Corinthians ainda disputará a Recopa, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro até o fim deste ano. E caso fique até o fim da temporada, o gaúcho atingirá outra marca importante pelo Timão: será o segundo técnico com mais jogos pelo clube. Somada sua primeira passagem (2004 e 2005) e a segunda (desde outubro de 2010), Tite soma 228 jogos no comando da equipe. Até o fim de 2013 ultrapassará Rato (256) e ficará atrás apenas de Brandão (439). É a consagração da ‘titebilidade’ no Timão.

A fome desse iluminado não acaba. E você duvida que virá mais títulos por aí?

Tite Libertadores
O ápice da sua passagem foi a conquista da tão sonhada Libertadores