Como economizar dinheiro no dia a dia: 7 conselhos

Se você é daquelas pessoas que estão sempre se perguntando: “Onde está indo parar o meu dinheiro?”, tire um momento para refletir sobre as pequenas despesas do dia-a-dia. Elas provavelmente são as vilãs do seu orçamento. Você come fora com muita frequência? Anda sempre de Uber? Compra várias coisas por impulso?

Isoladamente, esses gastos podem parecer pequenos. Acontece que eles nunca vêm sozinhos — e indicam uma tendência comportamental que causa um rombo nas finanças. Estamos falando de milhares de reais ao final do ano. Seguindo nossos conselhos, você conseguirá manter o seu orçamento em ordem e economizar uma boa soma para sua poupança:

1# GASTE APENAS O DINHEIRO QUE VOCÊ TEM

Pode parecer óbvio, mas tem gente que não segue esse princípio fundamental da economia: gastar apenas o dinheiro que você possui. Se faz parte da sua rotina pedir empréstimo no banco e parcelar a fatura do cartão de crédito, fique alerta. Você está levando um lifestyle que suas receitas não comportam. Como dizia um sábio filósofo grego:  “A quem pouco não basta, nada basta”.

2# PRATIQUE O CONSUMO CONSCIENTE

Não fazer compras por impulso é algo que beneficiará não apenas o seu bolso, mas o seu senso de disciplina e o meio-ambiente. Antes de comprar qualquer artigo, pergunte a si mesmo se realmente precisa dele. Pense se ele continuará sendo útil pelo menos alguns meses depois de sua aquisição.

3# REVEJA SEMPRE SEUS GASTOS FIXOS 

Não veja os seus gastos fixos como algo imutável. É preciso revê-los com frequência. A academia, por exemplo. Se você paga e usa, ótimo. Caso contrário, melhor cortar, né? O mesmo vale para o pacote de TV a cabo. Para que ter tantos canais — a maioria dos quais você nunca vai assistir — se você pode simplesmente assinar a Netflix?

4# SEJA MAIS INDEPENDENTE

O desafio de adquirir novas habilidades é motivador — especialmente quando elas vão te trazer independência e ajudar a economizar. Um exemplo? Cozinhar. Em vez de comer fora no trabalho, que tal preparar e levar marmita? Você também pode aprender a lavar e passar suas roupas, entre outras coisas.

5# INVISTA UMA PARCELA DA SUA RENDA

Esse é um hábito muito importante, porque vai te trazer segurança nas épocas de vacas magras. Tenha em mente a seguinte frase: “Não guarde o que sobrou depois de gastar, mas gaste o que sobrou depois de guardar”. Sempre que seu salário entrar, invista alguma porcentagem — mesmo que seja apenas 5% ou 10%. Pense no longo prazo.

6# CUIDADO COM AS “ECONOMIAS BURRAS”

Em certos casos, não é bom comprar artigos mais baratos apenas pelo preço, porque talvez eles tenham que ser substituídos num futuro próximo — e, em última instância, acabarão culminando em uma dose ainda mais alta de gastos. Às vezes é melhor pagar mais caro num produto bom e durável do que mais barato num ruim.

7# NÃO CORTE AS COISAS QUE AMA FAZER

Algumas pessoas têm dificuldade para economizar justamente porque, ao tentar fazê-lo, se privam das coisas que amam fazer. Mas essa não é uma maneira inteligente de economizar dinheiro. Ao contrário, ela costuma ter um efeito parecido com o da dieta – se você não comer nada além de sopa por duas semanas, no décimo quinto dia estará definitivamente mergulhando em um bolo de chocolate.

VÍDEO EM DESTAQUE