fbpx
organizar rotina

Como organizar sua rotina (e otimizar seu tempo) em 4 passos

Pedro Nogueira
Pedro Nogueira Editor-Chefe

Todo mundo tem as mesmas 24 horas no dia. A diferença é que algumas pessoas utilizam esse tempo melhor — e outras, pior. Se você está com a sensação de que sua vida está andando em círculos, sem nunca sair do lugar, provavelmente o motivo é o gerenciamento do tempo. Por isso fizemos uma guia de como organizar a rotina e otimizar as horas do seu dia:

1# ANOTE COMO VOCÊ GASTA SEU TEMPO NA SEMANA

Essa aqui é uma etapa essencial para organizar melhor sua rotina. Passe uma semana inteira anotando religiosamente tudo o que você faz. Sem exceções: trabalho, estudo, sono, almoço, WhatsApp, Netflix, exercício físico, banho… Não deixe nada de fora.

Você pode usar o aplicativo do Google Sheets no celular, que é como o Excel, para fazer esses registros. Isso vai possibilitar a você identificar como está gastando seu tempo e, assim, montar um planejamento que se adeque aos seus objetivos.

Você possivelmente vai se esquecer de marcar algumas visitas ao feed do Instagram ou uma resposta rápida no WhatsApp. Mas existe uma solução. No iPhone, quando você entra em ajustes > bateria > uso, tem um ícone de relógio que possibilita a você, além de ver os apps que mais gastaram bateria, conferir também o tempo gasto em cada um deles nas últimas 24 horas ou semana.

Ou você pode baixar o app “Moment – Screen Time Tracker” que faz uma análise mais detalhada. No caso de celulares Android, o nome do app que faz isso se chama “QualityTime – My Dieta Digital” ou o “App Usage”.

2# ORGANIZE E ANALISE AS INFORMAÇÕES

Agora que você já anotou como usa o seu tempo, é a hora de fazer uma análise. Some as horas gastas em cada tipo de tarefa e divida em categorias por cores na planilha. Por exemplo, você pode marcar atividades relativas a redes sociais em amarelo; sono em azul; trabalho em verde; etc. Isso vai te dar uma visão geral de como anda a sua rotina e como otimizá-la.

3# DEFINA AS SUA PRIORIDADES E OBJETIVOS DE VIDA

O próximo passo? Definir suas prioridades. Se você repara que passa 2 horas por dia nas redes sociais (Instagram, WhatsApp, etc) mas apenas 30 minutos estudando, é porque alguma coisa está errada.

Então anote as suas metas. Você quer emagrecer? Crescer na carreira? Aprender a tocar algum instrumento? Liste as atividades que podem fazê-lo atingir seus objetivos e o tempo que você pretende investir nelas diariamente.

Por exemplo, se proponha a trabalhar pelo menos 8 horas por dia, sem contabilizar as interrupções do café, cigarro, redes sociais, etc. Muita gente acha que trabalha bastante, mas quando faz essa análise do tempo, descobre que é produtivo apenas durante 5 ou 6 horas do dia, no resto fica enrolando.

Aí determine também algumas horas da semana para estudar, fazer exercício físico, dormir bem, etc. O número de horas destinadas a cada atividade vai depender das suas metas pessoais. E, claro, é essencial deixar algum tempo para relaxar e se divertir. Só não pode exagerar, como a maioria das pessoas instintivamente faz.

4# CRIE UMA LISTA DE TAREFAS E SIGA-A DIARIAMENTE

Para colocar a teoria em prática, é preciso desenvolver uma alta dose de disciplina e força de vontade. Um truque? Fazer listas de tarefas, que ajudam a priorizar o tempo.  Elas só não podem ser sobrecarregadas demais, senão você vai falhar sempre e perder a motivação. Seja coerente com suas possibilidades.

Você também pode montar um planejamento semanal. Por exemplo, toda terça e quinta à noite ler um livro das 21:00 às 22:00; de segunda, quarta e sexta às 07:00 ir à academia; e assim por diante. O cronograma será de acordo com seus objetivos.

No começo, pode ser difícil. Mas segundo estudos, leva-se em geral 66 dias para transformar alguma atividade em um novo hábito. (Ou para você abandonar um vício improdutivos, tipo ficar plantado no celular fuçando no feed do Instagram.)

Lembre-se disso: se você tiver disciplina e aguentar esses dois meses, seu cérebro começará a automatizar essas escolhas, dando prioridade às tarefas úteis (tipo estudar ou malhar) no lugar das supérfluas. É tudo uma questão de organizar bem a sua rotina e de conseguir se manter no plano.