4 problemas que você terá ao morar com sua namorada

Não importa o quão apaixonado vocês estejam, a sua tolerância vai mudar quando decidirem morar na mesma casa. Seja casando ou indo morar juntos.

Tudo que é novidade pode ser incrivelmente maravilhoso, mas a fase da lua de mel vai passar e a rotina vai se instalar. O que a gente quer é que você esteja preparado para o choque inicial.

Você pode pensar: “Quando viajamos e ficamos grudados eu já sei como as coisas funcionam”. Ledo engano. Viagens têm prazo de validade – morar com alguém, supostamente, não.

1# Sexo

O simples fato de morar na mesma casa que a pessoa torna tudo mais fácil e é justamente esta facilidade em poder ter sexo a qualquer momento que vai fazer você ter menos sexo. Nos dois primeiros meses pode até ser diferente, mas você vai voltar à rotina antiga.

Sexo não será tudo na relação, será normal. E você vai pensar que isso é uma das coisas tristes que pode acontecer em um relacionamento, mas é assim para quase todo mundo.

2# Mistérios

Você vai perceber que leva bastante tempo para a moça ficar com a aparência que ela fica quando você simplesmente ia buscá-la em casa.

Uma mulher se arrumando é a verdadeira festa do estica e puxa. Tem secador, escova e chapinha, maquiagem, cremes para cada centímetro do corpo, roupas e sapatos que às vezes apertam até a alma. O mistério vai acabar porque você vai vê-la fazendo todo o ritual e ele não tem nada de bonito.

O inverso também vai acontecer: ela vai descobrir algumas coisas interessantes sobre você, especialmente se dividirem o mesmo banheiro.

morar-com-namorada-4-el-hombre
Você presenciará cena semelhante

3# Faxina

Morar com pai e mãe é uma maravilha. Ter empregada então é um sonho que você só vai dar valor quando descobrir que nem tudo está limpo, roupas não estão lavadas, passadas e engomadas e a comida que está na mesa pode não ser lá essas coisas.

Morar com uma mulher é diferente. Ela não é sua empregada (se você acha que ela é, já aviso que fica mais barato contratar uma de verdade e de quebra ir para a terapia). A louça do jantar não é autolimpante, alguém vai ter que lavar. O lixo não sai de casa sozinho, alguém vai ter que levar até o portão.

Sem contar que o papel higiênico vai acabar e alguém vai ter que se lembrar de comprar (e ninguém lembra).

4# Dinheiro

Se dinheiro não era problema até agora, vai passar a ser. A não ser que você tenha muito. Caso contrário, as contas serão divididas. Antes o que era problema só dela, passa a ser seu também.

Acostume-se com uma grande verdade: ela vai começar a esconder de você onde gasta o dinheiro. O sapato de R$ 300 foi presente da tia-avó. O cabelo lindo não é milagre de máscara caseira, lá se foi mais R$ 400 no cabeleireiro.

morar-com-namorada-5-el-hombre
As roupas não se guardam sozinhas