8 lições de vida que o poker ensina

Em parceria com 888poker

***

O poker é um grande professor. As situações que enfrentamos na mesa são, muitas vezes, as mesmas que enfrentamos fora dela. Riscos, decisões, pressão, estratégias, vitórias, fracassos, adversidade… Nas palavras do escritor americano Jack London, “a vida não é uma questão de ter sempre boas cartas, mas de jogar com inteligência as cartas ruins.”

Grandes faculdades americanas, como Harvard e o MIT, incluíram uma disciplina sobre poker em seus cursos de negócios – um exemplo que a Unicamp seguiu aqui no Brasil. O motivo? As habilidades e competências que o jogo desenvolve são, também, úteis ao nosso dia-a-dia. Por isso reunimos, hoje, 8 lições de vida que o poker nos ensina.

1# SEM RISCOS, NÃO HÁ RECOMPENSAS

O poker não é uma ciência exata. Se você quer ganhar, precisa estar disposto a arriscar. Caso contrário, vai ficar estagnado. Na vida é assim também. Temos que sair da zona de conforto regularmente – e assumir riscos – se queremos evoluir. Como diz um ditado, risco é o preço que pagamos pela oportunidade. Se você não quiser pagar, terá que se conformar com mesmice.

2# AS DERROTAS FAZEM PARTE DA VIDA

Não temos a capacidade de controlar tudo na vida, tampouco na mesa de poker. O que podemos fazer é buscar as melhores decisões e ações, com base nas informações que temos disponíveis. Mas nem sempre o nosso plano vai funcionar. E, quando fracassamos, é necessário erguer a cabeça e seguir em frente com nobreza.

3# APRENDA A JOGAR COM AS CARTAS QUE RECEBEU

Temos que lidar com o mundo como ele é, não como gostaríamos que fosse. Não dá para escolher as cartas que recebemos, mas podemos aprender a jogá-las da melhor maneira possível. Reclamar? Não é uma boa estratégia.

4# DISCIPLINA E CONTROLE EMOCIONAL

Quando algum jogador perde o controle emocional na mesa, dizem que ele “se queimou” ou “tiltou”. Esse é o momento em que as piores decisões são tomadas, normalmente levando o sujeito para o buraco. Para vencer no poker e na vida, é essencial desenvolver a disciplina e o autocontrole. Caso contrário, você sempre será aquele indivíduo que nada, nada – e morre na praia.

5# ANALISANDO AS VARIÁVEIS

Não existe decisão fácil num jogo de poker, tampouco na vida. A cada mão, você precisa analisar uma série de variáveis. Suas cartas. A posição na mesa. O tamanho do cacife. Os adversários. A linguagem corporal deles. O padrão de apostas. As porcentagens. E assim por diante. Quanto mais preciso você for em sua análise, maior é a chance de sair vitorioso. Dentro de mesa e, claro, fora dela também.

6# PENSE A LONGO PRAZO

Fazendo uma conta simples, numa mesa com 10 jogadores, a probabilidade é de que você ganhe aproximadamente 10% das mãos. Se isso é um problema? Não. Basta pensar a longo prazo. Busque minimizar as derrotas, perdendo a menor quantidade possível de fichas nessas ocasiões; e maximizar as vitórias, explorando ao máximo as mãos ganhadoras. No poker e na vida, as grandes conquistas não são instantâneas. Elas requerem paciência, planejamento e resiliência.

7# LIDANDO COM A ADVERSIDADE

Há um ditado no poker que diz o seguinte: “Tudo o que você precisa para jogar é uma ficha e uma cadeira”. Essa máxima ficou famosa depois que um jogador chamado Jack “Treetop” Straus perdeu todo o seu cacife – exceto por uma ficha – na WSOP de 1982. O que aconteceu depois? Ele continuou na luta e foi dobrando o stack até se consagrar campeão mundial de poker daquele ano. Tanto na mesa, quando na vida, precisamos aprender a lidar com a adversidade. Nem sempre as circunstâncias estarão a nosso favor, mas é preciso seguir em frente mesmo assim. A história de Jack Straus exemplifica bem isso.

8# CONHECIMENTO É PODER 

Vamos imaginar que dois amigos decidem se inscrever num torneio de poker com 1000 jogadores. O primeiro já leu vários livros sobre o assunto; tem muitas horas de experiência ne mesa; e participa de um grupo no Facebook em que os integrantes discutem mãos interessantes. O segundo tem preguiça de estudar; quando está na mesa, fica de papo no WhatsApp no intervalo das mãos, em vez de prestar atenção plena no jogo; e nunca reflete sobre seus erros/acertos no fim da noite. Quem você acha que tem mais chance de ir bem no torneio? A resposta é óbvia. Assim como no poker, conhecimento é poder em qualquer aspecto da vida. As pessoas aplicadas e dedicadas sempre vão se destacar em suas áreas.

MATÉRIA OFERECIDA POR  888POKER

Em parceria com o 888poker, um dos maiores sites de poker online do mundo e patrocinador oficial da World Series of Poker (WSOP), montamos um canal especial sobre esse esporte que já possui mais de 7 milhões de praticantes no Brasil. Ficou com vontade de jogar também? Visite 888poker.com e comece agora mesmo.