Samuel Tonin, da Sobrebarba, dá 5 dicas de grooming

A barba está em alta — e você não precisa de nós para te dizer isso. Mas você sabe como cuidar da sua? Não é tão simples quanto parece. Para ter uma barba de respeito é preciso limpar, aparar, hidratar, pentear… Em suma, todo um ritual de grooming.

Para te ajudar nesta tarefa, batemos um papo com o publicitário Samuel Tonin, fundador da Sobrebarba, primeira marca brasileira específica para os barbudos. E ele nos deu várias dicas.

“Manter a barba bacana pede alguns cuidados”, diz Samuel. “A dica é saber o que usar nela, porque barba é diferente de cabelo. Não é porque algo é bom pro seu cabelo que vai funcionar na barba. Por isso, prefiro produtos que são feitos especialmente para ela. Isso acaba se transformando em um ritual diário, que é bem simples e rápido.”

Eis os 5 passos do grooming perfeito, segundo ele:

1# Para limpar

“Aproveito a hora do banho pra lavar bem o rosto com um shampoo de barba. Ele é diferente de um shampoo convencional porque cuida também da pele do rosto enquanto limpa e hidrata os pelos. A dica é usar o shampoo logo no início do banho e só enxaguar no final. Esse tempo da espuma agindo nos pelos da barba faz uma grande diferença.”

How-often-should-I-wash-my-beard1

2# Para hidratar

“Minha barba é longa e fica bem ressecada durante o dia. Esse foi o principal problema que encontrei quando resolvi manter uma barba maior. Isso acontece porque quanto mais longa a barba, mais longe ela fica da hidratação natural da pele. Mesmo quem tem pele oleosa como eu pode ter uma barba desgrenhada e ressecada. Pra resolver isso, assim que saio do banho pingo algumas gotas de óleo de barba na palma da mão, esfrego bem as mãos e espalho bem na barba, desde a pele embaixo dela até as pontas. Dá pra perceber a diferença na hora. A barba fica bem mais controlada, sem aqueles fios rebeldes, e visivelmente mais macia. E nos dias em que raspo o pescoço, uso um balm de barba. Ele hidrata os pelos e refresca a pele. Serve como o meu pós-barba.”

3# Para deixar alinhada

“Depois, eu só passo um pente de madeira porque ele não gera eletrostática e alinha bem os fios. E quem tem barba sabe como é viciante ficar brincando com ela durante o dia. O problema é que ficar passando a mão não é legal. Já arranquei muito pelo da barba com isso, principalmente durante aquelas reuniões mais tensas. Fora que ela vai ficando desgrenhada e você acaba sujando a barba passando a mão toda hora. Por isso, eu sempre saio com o meu pente no bolso. É uma terapia (e um vício) ficar penteando a barba, e ela fica alinhada o dia todo.”

barba

4# Para aparar

“Não adianta deixar a barba limpa e hidratada e deixá-la crescer sem dar uma aparada de vez em quando. Não há shampoo, balm ou óleo que dê jeito e ela sempre vai parecer desgrenhada. Gostaria muito de saber aparar sozinho. Tem uns caras que conseguem muito bem! Mas prefiro deixar minha barba nas mãos de um barbeiro. Vou a cada três semanas só pra manter o desenho e tirar os excessos. Os únicos pelos em que o barbeiro não bota a mão são os do meu bigode. E aí vem o quinto, e último, passo.”

5# E não dá para esquecer do bigode

“Resolvi deixar o bigode crescer naturalmente, sem aparar. Acho que o visual fica melhor, mais natural, e sem lembrar uma vassoura em cima da boca. Só que esse estilo pede uma cera de bigode. Do contrário, você acaba comendo o seu próprio bigode. Prefiro uma cera que é mais seca e dura ao toque. Esse tipo de cera não derrete durante o dia, não fica escorrendo pela boca e segura melhor os pelos no lugar. O processo de usar é bem simples e rápido: raspo uma lasquinha da cera com a unha, aqueço bem entre os dedos pra deixá-la maleável e aplico no bigode fazendo movimentos do centro pra fora. Assim ele fica no lugar, sem incomodar. Como ela vem numa latinha pequena, dá pra carregar junto com o pente no bolso.”

slideshow_1

A Sobrebarba tem uma linha formada por shampoo, balm, óleo de barba, cera de bigode e pente de madeira, com preços entre R$ 30 e R$ 54. Entre no site deles para saber mais.