Imagem pessoal: 5 dicas para desenvolver a sua

Você já ouviu falar na expressão imagem pessoal? Provavelmente sim. Mas o que isso significa, exatamente? Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, esse é um conceito que vai além da aparência. Trata-se de como você se apresenta ao mundo, tanto do ponto de vista visual, quanto comportamental. Estamos falando, portanto, das suas roupas; do corte de cabelo; da postura; da maneira que você fala; das ideias que defende; e assim por diante. A soma dessas fatores influencia a percepção que os outros têm de você, trazendo benefícios — ou prejuízos — não somente à sua carreira, mas à vida como um todo.

O fato é que todo mundo possui uma imagem pessoal, querendo ou não. Basta entrar em contato com qualquer ser humano e, instantaneamente, ele já vai começar a construir uma opinião sobre você. É um instinto, que pode jogar a favor — ou contra — nós.  Poucas pessoas se dão ao trabalho de desenvolver sua imagem pessoal de uma maneira mais estratégica, para fortalecer a mensagem que você quer passar ao mundo e evitar os ruídos negativos. Por isso reunimos hoje, aqui no El Hombre, algumas dicas práticas de como desenvolver uma imagem pessoal que te ajude a atingir seus objetivos na vida.

1# SEJA AUTÊNTICO E FIEL AOS SEUS VALORES

Em primeiro lugar, seja autêntico. Não adianta você construir uma imagem pessoal fora de sintonia com as coisas que você realmente acredita. A primeira impressão que causamos nas pessoas é importante? Sim. Mas como o próprio nome já diz, ela é a apenas a primeira. Se você pretende manter uma relação duradoura com alguém — seja no campo profissional ou pessoal — precisa se lembrar que a opinião dela sobre você estará em constante evolução. E nada melhor para manter um bom relacionamento do que a honestidade. Por isso você deve buscar autenticidade quando estiver pensando na sua imagem pessoal.

2# AJA COMO O HOMEM QUE VOCÊ QUER SER

Você deve ter cuidado, porém, para não confundir autenticidade com displicência. Vou explicar melhor, ok? Primeiro você deve trabalhar o autoconhecimento para  compreender com mais clareza quais são seus valores pessoais e o seu propósito. O que você quer fazer? Onde você quer chegar? Você deve ser autêntico ao perseguir esses objetivos. Mas se você persegui-los sem planejamento, estará sendo displicente. Deu para entender? Em vez de agir como o homem que você é, aja como o homem que você quer ser. Vista-se como ele. Pense como ele. Fale como ele. Seja a melhor versão possível dentro do cenário que você almeja para a sua vida. Isso é ser autêntico e, ao mesmo tempo, caprichoso. Pense como você quer que as pessoas te vejam — e ofereça essa imagem a elas.

3# INSPIRE-SE NAS PESSOAS QUE VOCÊ ADMIRA

Esqueça os gurus. Essas relações são perigosas, porque afetam o nosso julgamento. Quando adotamos uma postura de idolatria, acabamos absorvendo também os defeitos daqueles que idolatramos, porque perdemos o nosso senso crítico. Mas, posto isso, é fundamental para as nossas vidas que busquemos pessoas que nos inspirem. Em outras palavras? Aqueles indivíduos que já percorreram a trajetória que queremos trilhar em nossas vidas também.

Eles são uma fonte valiosa de inspiração e conhecimento. A partir do momento em que você sabe onde quer chegar, estude as pessoas que já chegaram lá. Saiba como elas fizeram isso. Os livros que elas liam. As roupas que se vestiam. Etc etc. Isso encurta o caminho. Você não precisa desbravar o mundo sozinho. Isso não é inteligente. Desde que você nunca abandone seus valores pessoais e mantenha seu senso crítico, é benéfico ter pessoas nas quais se espelhar.

4# DESENVOLVA UMA APARÊNCIA QUE FORTALEÇA QUE SUAS VIRTUDES

Há uma velha máxima romana que diz o seguinte: “À mulher de César não basta ser honesta, ela deve parecer honesta.” Não podemos nos enganar acreditando que as aparências não valem nada. No mundo em que vivemos, elas valem sim. Melhor se conformar com isso e se adaptar a essa realidade. Segundo estudos, em apenas meio segundo as pessoas já começam a formar uma opinião de você. E se ela for ruim, você terá que trabalhar em dobro para reverter esse cenário. Eis algumas dicas básicas que vão ajudá-lo a causar uma boa primeira impressão:

➤ Tenha uma linguagem corporal confiante, que passa credibilidade. Postura ereta, queixo para o alto, contato visual seguro. Evite também os tiques nervosos, como ficar balançando a perna ou batucar com os dedos.

➤ Ao falar, projete a sua voz. Não estamos dizendo para você gritar, apenas falar com clareza para que os outros possam ouvir adequadamente. Evite também falar rápido, porque é sinal de ansiedade.

➤ Seja caprichoso com as roupas que você veste. Como os profissionais de sucesso da sua área se vestem? Veja-os os como uma referência estética. Lembrando que o caimento das peças é tão importante quanto o design em si. Leve sempre suas roupas para ajustar numa costureira ou alfaiate da sua confiança.

5# TENHA CONTEÚDO PARA SUSTENTAR SUA IMAGEM

Se você não tiver conteúdo, da nada vão adiantar as aparências. Você pode até criar uma boa primeira impressão, mas depois as pessoas te verão como uma fraude. Para cada minuto que você investir em sua imagem, invista o dobro em conhecimento. Pense numa pirâmide. A parte mais visível é o topo, correto? Mas a base que a sustenta é muito maior. Leia livros, assista documentários, pesquise artigos, faça cursos, veja TEDs. Saiba tudo sobre a sua área de atuação profissional e, também, dos seus hobbies. A aparência pode abrir portas. Mas se você não tiver substância, elas vão se fechar rapidamente.

VÍDEO EM DESTAQUE