Como se tornar um otimista realista?

Tanto o pessimismo exagerado, quanto o otimismo desenfreado, são perigosos nós. Ambas atitudes nos levam a tomar decisões pouco inteligentes, baseadas mais em sentimentos do que na razão.

Dizem que uma pessoa pessimista enxerga o copo meio vazio — e que uma pessoa otimista enxerga o copo meio cheio. Qual filosofia é a mais sábia? Nenhuma delas. Melhor ser um otimista realista, que simplesmente fica com a jarra de água ao seu lado, para deixar o copo sempre cheio.

Há um ditado inglês que diz o seguinte: “O pessimista reclama do vento, o otimista espera que este mude e o realista ajusta as velas do barco.”

A boa notícia é que, embora tenhamos uma tendência natural para um dos lados, isso não nos obriga a permanecer nele para sempre. Treinando nossas mentes, podemos mudar nossos mindsets, hábitos e atitudes.

OTIMISMO IRREALISTA X REALISTA

O otimista irrealista é aquele que acredita que atingirá todos os seus objetivos sem erros, fracassos e obstáculos pelo caminho. Alguns deles até creem que seus pensamentos positivos farão com que o universo os recompense, transformando em realidade todos os seus desejos e aspirações.

O otimista realista, por sua vez, acredita que tudo dará certo. No entanto, está igualmente consciente do fato de que a fim de atingir o sucesso é necessário que planeje as coisas da melhor maneira possível, que coloque em vigor todos os recursos necessários, que tenha foco e persistência e que execute os seus planos com talento e determinação.

O realismo e o otimismo não são opostos. Se você souber dosá-los, eles complementam um ao outro, e juntos são capazes de criar indivíduos extremamente bem-sucedidos.

ATITUDE POSITIVA + AVALIAÇÃO REALISTA

É improdutivo acreditar que os desafios desaparecerão como em um passe de mágica, ou que atingiremos todos os nossos objetivos sem sequer levantarmos um dedo. O otimista realista sabe que terá que agir para conquistar o que almeja, e está igualmente ciente do fato de que terá que se concentrar nas melhores ações a ser tomadas tendo em vista dal objetivo.

Ao mesmo tempo, ele sabe que há certas coisas que não podem ser alteradas – e aceita o fato de que nem sempre possuímos controle sobre tudo o que está à nossa volta. Assim sendo, combine sempre uma atitude positiva com uma avaliação realista de todos os desafios que podem se colocar em seu caminho.

EVENTOS INESPERADOS: COMO LIDAR?

Não se sinta frustrado ao acreditar que falhou em uma determinada questão. Faça o que puder para encarar as adversidades que se colocarem em seu caminho como um estímulo para desenvolver a sua criatividade e para despertar em você a capacidade de surgir com soluções inovadoras.

Não divida os eventos em termos de êxitos ou derrotas. Encare-os sempre sob uma luz mais positiva. Os obstáculos que ultrapassar o ajudarão a crescer e a se desenvolver. E os obstáculos nos quais tropeçar também terão muito a te ensinar.

Como colocou Epicteto, o filósofo estoico: “Não podemos escolher as circunstâncias externas das nossas vidas, mas podemos escolher a maneira como reagimos a elas”. Que tal adotar esse conselho dele em sua vida?

VÍDEO EM DESTAQUE