Você gosta de games sombrios? Então deveria comprar “Thief”

Pedro Cohn
Pedro Cohn Diretor de Negócios

Como o nome do jogo dá a entender, em Thief você é um super ladrão que vaga pelas sombras e coloca as mãos em objetos de valor. Você está na pele de Garret, um Master Thief que vive numa torre relógio em uma cidade gótica, marcada pela pobreza, corrupção e uma praga que está dizimando a população.

Depois de um assalto que não saiu muito bem e de perder seu discípulo e sua memória, Garret descobre que é o homem mais procurado pela polícia da cidade. Seu objetivo é usar todas as qualidades de um super ladrão para descobrir a verdade de seu misterioso passado, antes que seus inimigos o achem primeiro.

O jogo tem um tema sombrio, com pouca luz e músicas que farão até o homem mais corajoso sentir um frio na barriga na hora de realizar assaltos com precisão. Sua arma principal é um arco e flecha com algumas modificações. Cada tipo diferente de flecha o ajudará a roubar documentos e objetos de valor, além de, claro, tirar a vida de alguns inimigos.

Você terá que escolher se matará aqueles que estão no seu caminho ou se optará por caminhos escuros para nocautear seus adversários sem que eles o percebam.

A produtora do game promete que é possível fechar o jogo sem matar ninguém. Mas tenho certeza que isso deve ser tarefa difícil. Além do que eu me pergunto: será que teria a mesma graça?

Thief é um jogo FPS (First Person Shooter, em que você vive o game pelos olhos do personagem) num mundo aberto. Ou seja, você pode ir onde quiser a hora que quiser. Uma coisa muito interessante é que tudo ao seu redor pode te ajudar a chegar ao seu objetivo: você vai precisar olhar 360º para achar escadas, cordas e pedaços de madeira para te levar às inúmeras janelas de casas e de comércios para, então, entrar e roubar os estabelecimentos.

O dinheiro que ganhará fazendo missões e roubos será usado no mercado negro. Lá podemos gastar algumas moedas de ouro para melhorar nossas armas, comprar tipos diferentes de flechas, ferramentas como lockpicks (para abrir fechaduras) e alguns amuletos da sorte que diminuem as chances de você tomar dano de inimigos ou te permite carregar mais itens.

Enquanto você evolui no jogo, você recebe algumas novas habilidades para te ajudar a acabar com adversários mais rápido e ter mais sucesso em roubos. Uma dessas habilidades é o marksman, que faz com que sua mira e seu combate melhorem consideravelmente. Com esse recurso você consegue bater bem melhor com seus punhos. No game você ainda encontrará alguns quebra-cabeças para conseguir ter acesso à bens e dinheiro.

Esse jogo promete ser ótimo para você que já zerou duas vezes FarCry 3 e está cansando de tanto jogar o último Tomb Raider. Thief será lançado dia 28 de fevereiro para nós no Brasil e seu preço é de R$ 199. Você poderá encontrá-lo para todas as plataformas.