Relacionamento no trabalho: pode ou não? 

Se você me perguntar: “Alexandre, o que você acha sobre relacionamento no trabalho. Pode?”

Minha resposta é simples e direta: “Pode!”

Agora, se você me perguntar: “Alexandre, você acha que eu devo ter um relacionamento no trabalho?”

Ai eu responderia: “Não sei, depende do tamanho da sua maturidade e ambição profissional.”

Eu prefiro não lhe dizer se deve ou não deve.

Como coach, gosto de apresentar os cenários e deixar que as pessoas tirem as suas próprias conclusões e decidam baseadas na única coisa que importa: a sua verdade.

Imagine que a sua parceira foi promovida e, a partir de agora, você responde diretamente para ela.

Você está pronto para isso? Ou melhor, vocês estão prontos? Isso é muito importante. Não avalie apenas o seu comportamento, afinal, a atitude dela também o impactará.

Você trabalha em um ambiente altamente competitivo e as cobranças são constantes em sua rotina. Você suportaria ser cobrado pela sua parceira? Como seria receber um feedback em público (mesmo que não seja correto) sobre o seu desempenho?

Ou o contrário, você é o chefe da sua parceira. Saberia separar as coisas? Faria as cobranças necessárias, mesmo que tivessem tido uma “DR” na noite anterior? Seria justo e imparcial em um momento de crise?

E os cenários podem tornar-se mais complexos.

A sua parceira é uma mulher muito bonita, atraente e o ambiente de trabalho é dominantemente masculino. Você saberia lidar com os possíveis assédios, olhares e comentários? Você teria condições de agir naturalmente com os colegas diante disso?

O último cenário é não menos importante.

Vocês, por algum motivo, decidem terminar a relação. Você saberia conviver diariamente com essa pessoa? Saberia liderá-la ou ser liderado por ela? Controlaria o ciúme, caso ela se envolvesse com outra pessoa no trabalho?

Lembre-se que falei acima que depende de duas coisas: a sua maturidade e ambição profissional.

shutterstock_241628134

Se você tem grandes ambições na empresa e consegue manter com a sua parceira uma relação madura, tem chances de dar certo. Se vocês não possuem uma relação madura, certamente, isso prejudicará o alcance dos seus objetivos.

Portanto, relacionamento no trabalho pode, sim. Só depende da maneira como vocês conduzem a relação.

Existem inúmeros casos de relações bem sucedidas, assim como existem muitas relações que fracassaram e carreiras que foram prejudicadas. A palavra-chave é maturidade.

É preciso conseguir deixas as “DRs” em casa e os “Feedbacks” no trabalho. Se vocês permitirem que as situações se confundam, certamente, terão problemas nos dois ambientes.

E algo importante que preciso enfatizar: deixe e situação o mais natural possível para as pessoas.

Vocês não precisam ser distantes um do outro ou adotarem um tratamento exageradamente formal. Sejam profissionais, entreguem resultados, resolvam o que tiver que resolver sem melindres e dessa forma, não precisarão provar nada a ninguém.

Isso é maturidade!

Se você consegue transitar bem pelas situações apresentadas acima, ou melhor, se vocês conseguem, então a minha resposta é sim, você pode ter um relacionamento no trabalho.

Mas, a minha opinião não importa, o que vale é o seu sentimento. Você se sente pronto para ter uma relação no trabalho?