6 lições de vida com Rocky Balboa

Depois de 42 anos, 8 filmes e mais de 1,4 bilhão em bilheteria, Sylvester Stallone anunciou que está aposentando seu icônico personagem Rocky Balboa. A última aparição do personagem será em Creed 2, que estreia em janeiro no Brasil. Em tributo a esse herói do boxe hollywoodiano, que marcou várias gerações em suas quatro décadas na ativa, reunimos 6 lições de vida que todo homem pode aprender com ele.

1# VOCÊ PRECISA SUAR A CAMISA

Um dos pontos altos em todo filme do Rocky é o treinamento intenso que ele faz antes das lutas. Ele não economiza esforço. Pode estar chovendo, nevando, fazendo um calor do Saara… Não faz diferença. Antes mesmo do sol nascer, Rocky já vai estar de pé suando a camisa. Tudo o que vale a pena — seja no esporte ou na vida — demando uma grande dedicação nossa.

2# NÃO SE INTIMIDE PELOS RIVAIS

Rocky nunca se intimida com seus rivais. Ele pode ser desafiado pelo campeão mundial invicto, ou uma máquina de matar (literalmente) da União Soviética, ou uma estrela do esporte 20 anos mais nova que ele… Tanto faz. Rocky não tem medo de perder, por isso sobe no ringue com seja lá quem for. Fugir da briga não é com ele. Por mais azarão que os outros o considerem, Rocky sempre tem muita confiança em si mesmo.

3# CORAÇÃO DE OURO

Não para negar que, apesar de viver de jobs, ganchos e diretos, Rocky tem um coração de ouro. É incrivelmente dedicada à sua mulher Adrian; virou um grande amigo do rival Apollo Creed; e manteve-se leal a vida inteira a Paulie, seu melhor amigo. Mesmo com o mundo a seus pés, ele nunca deixou o sucesso subir à cabeça. Continuou humilde, sem se esquecer de onde veio.

4# NUNCA DESISTA

Se tivéssemos que definir Rocky numa única palavra, ela seria “resiliência”. O cara tem uma força de vontade de outro mundo. Sua capacidade de superação não possui paralelo na história do cinema. Ele pode apanhar, apanhar e apanhar no ringue — mas nunca desiste. Está sempre volta, após os intervalos dos rounds, mesmo que seja para apanhar ainda mais um pouco. A cada nova luta, Rocky doa no ringue tudo de si.

5# A VERDADEIRA VITÓRIA É SER PERSISTENTE

Sabe aquele ditado de que “o importante é competir”? Esse é o mantra de Rocky. Claro, ele faz o seu melhor para ganhar, mas não é obcecado pelo resultado. Aceita as derrotas com muito honra e dignidade. A verdade vitória, para Rocky, é ser persistente e dar o seu melhor, independente de quem sair do ringue com o cinturão.

6# NÃO SE CHEGA LONGE SOZINHO

Rocky não conquistou tudo na sua vida sozinho. Pelo contrário. Fica muito claro nos filmes a importância do papel de seus treinadores e amigos, como Michael Goldmill, Paulie Pennino e Tony Evers. Como diz uma velha máxima, sozinho se vai mais rápido. Só que junto se vai mais longe.