fbpx

6 programas para se fazer nas Highlands Escocesas

“The Man Who Walked Around The World” é um vídeo institucional lançado pela marca Johnnie Walker há alguns anos. O curta, filmado em uma única tomada, conta a história de John (posteriormente conhecido com Johnnie) e sua criação, uma das maiores companhias no ramo das bebidas.

Apesar da incrível performance do ator Robert Carlyle, é preciso concordar que o local escolhido para as filmagens contribuiu, em muito, para que o clipe se tornasse o vídeo mais popular já lançado pela Johnnie Walker.

O local montanhoso pelo qual Carlyle caminha está situado nas Highlands Escocesas – ou Terras Altas Escocesas – mais especificamente, nas colinas de Perthshire.

Não se deixe enganar pela aparência isolada e nublada do vídeo: as Highlands possuem inúmeras atrações tanto no verão quanto no inverno. Festivais, castelos e trilhas são apenas alguns dos programas que o lugar oferece.

Por este motivo, tomamos a liberdade de apresentar a você, hombre, 6 programas que devem estar em sua lista de afazerem quando viajar às Highlands. E em ordem de hombridade.

6# Lago Ness

1-lago-ness

Essa é uma ótima oportunidade para conhecer Nessie, o monstro do lago Ness que habitou a imaginação de muitos que hoje estão lendo este texto. Apesar da lenda, o Lago Ness compõe uma das mais belas paisagens da Escócia, no coração das Terras Altas. No seu ponto mais profundo atinge 225 metros. Além disso, é rodeado por diversos castelos do período medieval, como as ruínas do Urquhart.

5# Eilean Donan Castle

1-eilean-castle

Agora, se a ideia é levar a namorada para curtir um final de semana nas Terras Altas, você deve considerar visitar alguns castelos pelo caminho. A construção Eilean Donan foi levantada numa pequena ilha em Loch Duich, na região oeste escocesa. É um dos castelos mais fotografados da região. Foi também cenário para o filme Highlander, de 1985. Uma das várias produções de Sherlock Holmes, A Vida Íntima de Sherlock Holmes, também teve como cenário este castelo.

4# Ilha de Skye e Kilt Rock

1-ilha-de-skye

Skye é a maior ilha do arquipélago de Hébridas, com um território de cerca de 1700 km². Em sua escarpa forma-se o Kilt Rock, uma queda d’agua de mais de 60 metros. Outra feição geológica que vale a visita chama-se “The Old Man of Storr”, uma colina que se destaca em meio ao relevo mais plano da região.

3# Trilhas pelo vale Glencoe

1-glencoe

Se você resolver viajar de carro pela Escócia e for conhecer alguns pontos turísticos ao longo das Terras Altas, muito provavelmente percorrerá as estradas que cortam o Vale Glencoe. Mesmo de passagem, já pode-se ter uma ideia de como a região é impressionante. Mas se decidir aventurar-se por algumas trilhas, há várias possibilidades, desde caminhos de 2 quilômetros até 15 ou 20 quilômetros para os mais preparados. É recomendável o auxílio de um guia, mas se quiser ter uma ideia do que você pode fazer por lá, acesse o Walking Highlands e conheça algumas das trilhas.

2# Inverness Highland Games

1-game-festival

Estes jogos acontecem na Escócia e em alguns outros países durante o verão europeu. É uma das maiores formas de se celebrar e manter vivas as tradições da cultura celta. Fundado em 1822, o Inverness Highland Games é a competição mais famosa do gênero no país. Faz parte do Festival de Verão de Inverness, que engloba outras atrações culturais, além , é claro, de muita festa. Se interessou? Dá uma olhada no site oficial.

1# Rota do Whisky

1-rota-do-whisky

Existem algumas coisa que não se pode deixar de fazer ao visitar a Escócia. Uma delas – talvez a mais importante – é conhecer um pouco da história do whisky, bebida intrínseca à cultura escocesa. Por lá é possível percorrer a “Malt Whisky Trail” (Rota do Whisky). Apesar de boa parte das destilarias não estarem localizadas exatamente nas Highlands, esse é um belo programa para se fazer logo na chegada, saindo de Edimburgo. São sete destilarias, um museu e uma fábrica de barris ao longo do caminho. E é claro que, além de história, em cada parada você pode experimentar alguns dos melhores whiskys do mundo. Para mais informações dê uma checada no site oficial do programa.