7 dicas para comprar seu primeiro relógio

Olá, amigos do El Hombre. Estou de volta e trago 7 dicas simples e eficazes para você comprar seu primeiro relógio. Da mesma forma, as dicas valem também para aqueles que desejam comprar um novo relógio.

1# ESTABELEÇA O LIMITE DE GASTO

A primeira dica é básica e, ao mesmo tempo, importante: você precisa saber o que pode gastar, a fim de não se comprometer financeiramente, principalmente em uma época de crise. Saiba quais são as suas prioridades e pesquise por relógios que se encaixem no orçamento planejado.

Além disso, tenha em mente que manutenções periódicas serão necessárias, caso opte por um relógio automático, portanto avalie se você tem recursos para fazer esses serviços. (A não ser que o escolhido seja um Swatch Sistem 51, daí não há essa necessidade).

Caso contrário, opte por um modelo de quartzo (à bateria). Elas costumam durar entre 2 a 10 anos, dependendo das funcionalidades contidas no relógio, antes de precisar manutenção.

2# FAÇA A TAREFA DE CASA

Pesquise na internet pelas opções que se encaixam no seu orçamento. Vá a algumas lojas e peça para conhecer os produtos. Saiba o que você quer comprar, ou tenha minimamente uma ideia das opções.

Se você for a uma loja sem saber o que deseja, muito provavelmente empurrarão qualquer produto mais lucrativo para a loja ou mesmo alguma mercadoria parada há muito tempo no estoque. Saiba que existem produtos sem tanto valor agregado, que não vale o preço da etiqueta.

Fazendo a pesquisa prévia, você se previne de comprar gato por lebre. E não se esqueça de pedir um desconto.

Outra vantagem de fazer uma pesquisa prévia é ficar imune a desinformações. Lembro-me de uma ocasião em que a vendedora recomendou-me um Bulova, dizendo se tratar de um relógio importado da Suíça.

Há aí dois erros grosseiros: o relógio era montado no Brasil, por causa do selo verde do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), e a marca é de origem americana, que atualmente pertence à Citizen.

Obs: Existem realmente Bulovas feitos na Suíça, mas trazem a inscrição “Swiss Made” na posição 6 horas, o que não havia no modelo apresentado a mim.

3# NÃO SE DEIXE ENGANAR PELAS FOTOS

Você está navegando no site de determinada marca e se depara com aquele relógio lindo. Ele traduz ousadia e aventura, tudo que reflete seu estilo de vida. É paixão à primeira vista. Cuidado! Você pode se decepcionar!

Preciso advertir: as fotos do site foram realizadas por profissionais. Quando você vai para um fast-food e pede aquele apetitoso hambúrguer da foto, a realidade nua e crua apresenta a você um lanche não tão apetecível visualmente, ainda que seja igualmente delicioso.

Então, não se deixe enganar! Após olhar na internet, vá a uma loja para provar pessoalmente o relógio. Acredite, faz muita diferença.

4# VERIFIQUE O TAMANHO

Todo guia de vestuário pede um tamanho ideal para as vestimentas e acessórios, portanto com relógios não seria diferente. Atente-se para que a caixa de relógio não ultrapasse a largura do seu pulso, nem opte por um relógio grosso demais.

Logicamente, a questão do tamanho depende também do gosto pessoal, mas busquem uma harmonia no visual, pois o relógio não deve sobressair ao todo conjunto. Pessoas mais fortes podem usar relógios com caixa maior, enquanto pessoas mais magras devem evitar.

5# ADEQUE AO SEU ESTILO DE VIDA

Se for o seu primeiro relógio, provavelmente você gostaria de usá-lo o máximo possível. Também penso que relógios foram feitos para serem utilizados. Então, se você é de um estilo mais casual e despojado, não recomendo investir em um relógio formal. Opte por algo mais esportivo, divertido e casual.

Além do tradicional bracelete de aço inoxidável, pode usar outros materiais na pulseira como silicone ou pulseira NATO/OTAN, couro perfurado entre outros. Não há uma regra vinculante. O conjunto dirá por si.

Da mesma forma, se você passa a maior parte do tempo de trajes formais, procure um relógio adequado a essa realidade. Opte por discrição e simplicidade. Algarismos romanos ou barras minimalistas são sempre bem-vindos. Braceletes em aço inoxidável são versáteis e vão bem com um traje formal, mas o couro chama mais atenção (combine a cor da pulseira com o cinto e com o sapato).

Logicamente há exceções, em que um relógio vai bem em ocasiões formais e casuais, mas a regra geral é combinar.

6# NÃO TENHA PRESSA

A compra de um relógio é um processo que requer calma e paciência. Faça as pesquisas, vá para as lojas e prove os relógios. Converse com amigos que tenham mais conhecimento. Aproveite a experiência!

7# COMPRE O QUE VOCÊ GOSTE

Essa é uma dica que vale para tudo na vida: não compre jamais algo para satisfazer outras pessoas, isto é, não realize a compra com o intuito de impressionar ou conseguir afirmação de outras pessoas. Obviamente, receber elogios é muito bom, mas pode ser que poucos notem o que está em seu pulso ou lhe atribuam o devido valor.

Desta forma, ignore o que os outros pensarão. Pesquise, experimente, converse, aproveite a experiência e compre para seu próprio prazer.

VÍDEOS EM DESTAQUE