9 maneiras de usar o seu tempo livre

A maneira como passamos o nosso tempo livre é um reflexo de nossas próprias naturezas e podem ter um impacto bastante considerável em nossas chances de sucesso no universo profissional. E qual o motivo? Se empregarmos o nosso tempo de maneira produtiva, nos entregando a tarefas capazes de produzirem um reflexo positivo em nossas vidas, colheremos os frutos dessa opção. Se o seu interesse é encontrar as atividades que mais se adequem a esse padrão, continue conosco e dê o seu melhor para colocar em prática essas atividades.

1# EXERCITE-SE

O exercício físico é importante tanto para a nossa saúde física quanto para a nossa saúde mental, e estudos indicam que meia hora de exercício por dia é o bastante para revitalizar o nosso espírito e suavizar o estresse que podemos estar sentindo. Ele também nos ajuda a permanecer disciplinados e nos deixa mais confiantes, visto que melhora a nossa aparência e nos transmite uma sensação de bem-estar.

2# LEIA LIVROS

A leitura é uma habilidade que deve ser exercitada continuamente. Um de seus principais méritos repousa no fato de que é um dos meios através dos quais podemos adquirir uma alta dose de cultura e de conhecimento, o que nos auxilia em nossas vidas pessoais (como deixamos muito claro no texto que escrevemos a respeito da empatia) quando em nossas vidas profissionais.

A sua intenção é expandir o seu vocabulário e desenvolver a sua capacidade de reflexão? Leia uma obra fictícia. Quer crescer na carreira? Leia tudo sobre o assunto, folheando as mais diversas biografias e memórias de grandes figuras relacionadas à sua área até livros técnicos que o ajudarão no dia a dia do trabalho. Quer compreender o mundo e seu papel nele? Leia os grandes tratados filosóficos, políticos e sociológicos. Assim sendo, defina o seu propósito e divirta-se.

3# ESCREVA

Quando escrevemos, estamos expandindo o nosso conhecimento e aprendendo a dividi-lo de modo criativo. Fora isso, a escrita também é positiva para as nossas capacidades de nos comunicarmos verbalmente.

Além de fazer com que vejamos a vida através de uma nova perspectiva, colocar no papel os nossos pensamentos é um modo efetivo de desenvolver nossa inteligência emocional, nosso autoconhecimento e nossas habilidades.

E, como disse Simone de Beauvoir, a escrita é também uma excelente terapia: “No papel, você pode dizer exatamente o que está sentindo. É muito fácil quebrar objetos na página de um livro. Você odeia, você grita, você mata, você comete suicídio – enfim, você leva as coisas até o fim. E é por isso que é apenas uma farsa. Mas é uma farsa satisfatória“.

4# FAÇA MEDITAÇÃO

No mundo em que vivemos — no qual as exigências que colocamos sobre nós mesmos e as demandas que o restante do mundo também coloca sobre nós — são bastante intensas, uma dose regular de práticas meditativas é capaz de auxiliar-nos a atingir um patamar elevado de felicidade pessoal e de produtividade profissional.

Além de reduzir o estresse e a ansiedade e de melhorar a concentração, a meditação leva-nos a descansar melhor e desenvolve nosso autoconhecimento e inteligência emocional, o que nos ajuda a lidar com as situações de maneira racional, inteligente e compassiva, e não com reações emotivas impensadas das quais nos arrependeremos no futuro.

5# FAÇA CURSOS

As pessoas mais bem-sucedidas são aquelas que firmam o compromisso solene de nunca deixarem de continuar a aprender, então faça muitos cursos. Busque oportunidades para adquirir mais conhecimento. No exato instante em que acreditamos que já aprendemos tudo o que tínhamos para aprender e que temos todas as respostas, somos tomados por uma imobilidade perturbadora. Mantenha sempre a sua mente aberta, fresca e desprovida de preconceitos, e nunca deixe de se esforçar para colocar em prática todos os ensinamentos que reuniu.

6# FAÇA TRABALHO VOLUNTÁRIO

O êxito profissional e a felicidade pessoal só podem ser encontrados se nos desafiarmos, saindo de nossas zonas de conforto de tempos em tempos.

E uma das maneiras mais úteis de expandir a sua zona de conforto é fazendo algum tipo de trabalho voluntário. Isso o fará entrar em contato com realidades divergentes daquela em que você vive, o que ampliará os seus horizontes e fará com que se depare com muitas questões distintas daquelas que permeiam o seu dia-a-dia. O resultado natural é que você cresça como pessoa.

Como se não bastasse o prazer decorrente da sensação de que fizemos o bem para outras pessoas, estaremos ajudando também a nós mesmos.

7# OUÇA PODCASTS

Uma das maneiras mais inteligentes de lidar com as coisas difíceis da vida é tirando todo o proveito que conseguirmos delas. Por exemplo: o trânsito de São Paulo. Em vez de nos limitarmos a reclamar a respeito dele, por que não empregar as horas que passamos nos deslocando de um lugar para o outro com algo útil e produtivo? Nesse caso, podcasts são uma excelente opção. Você poderá encontrá-los facilmente em seu smartphone, sobre uma grande variedade de temas.

8# ASSISTA A DOCUMENTÁRIOS

Assim como no caso anterior, investir em documentários é sempre uma excelente opção, visto que contribuirá para a sua instrução e para o seu desenvolvimento intelectual. Procure documentários de assuntos que lhe interessam – cinema, filosofia, guerras, o que quer que seja – e devore-os.

9# CONHEÇA NOVOS LUGARES

É esse o momento para conferir aquela exposição de arte que seus colegas elogiaram com tanta veemência. É esse o momento para ir naquele restaurante francês que encantou os críticos. É esse o momento para ir a uma mostra de cinema internacional. Uma das maneiras mais agradáveis de sair de sua zona de conforto envolve a descoberta de lugares novos. Estabeleça consigo mesmo a meta de conhecer um local desconhecido, digamos, a cada semana ou a cada quinze dias.

VÍDEO EM DESTAQUE