fbpx

O Prime Burger lançou 7 milk-shakes em homenagem a SP

Thiago Sievers
Thiago Sievers Head de Parcerias

O verão chegou e o General Prime Burger está participando da campanha da MasterCard “São Paulo Não Tem Preço”, que faz parte da plataforma global “Priceless City” e dá descontos em estabelecimentos variados nas cidades participantes para quem usa o cartão da empresa.

A hamburgueria participa da campanha com o já conhecido Festival do Milk Shake, que, esse ano, apresenta 7 novidades aos seus clientes.

Não é a primeira vez que vamos ao restaurante experimentar um lançamento de seu cardápio. Ano passado fomos ver qual era a do hambúrguer com Jack Daniel’s e, bem, hambúrguer + Jack Daniel’s é uma equação que não pode dar errado.

Desta vez a hamburgueria nos convidou para saborear produtos na lista das bebidas.

As 7 ideias, desenvolvidas pelos chefs Paulo Barros e Francisco Pinheiros, levam o nome de pontos turísticos famosos da cidade. Nada mais justo, considerando o nome do programa. Cada bebida é muito singular e procura estar de acordo, na medida do possível, com o conceito de cada lugar.

Os mais diversos gostos são atendidos pelo time dos milk shakes.

O Ibirapuera, por exemplo, milk-shake mais leve do Festival, é uma mistura de sorvete de creme, iogurte grego, mel e granola. O Pinacoteca, o lugar mais lúdico do cardápio, é feito de sorvete de creme, calda de morango, guloseimas, essência de tutti-frutti e corante, e é perfeito para os pequeninos.

Além desses dois, são oferecidos o Copan, o Masp, o Avenida Paulista, o Rua Augusta e o Mercadão. Todos são bem interessante.

O Masp, que vem com um Waffle saindo pelos limites do copo, é o visualmente mais atraente; o Copan é o que leva a composição mais ousada, com pimenta e sagu; mas o melhor, para mim, é o Avenida Paulista, feito com sorvete de café, rum, calda de chopp e gelatina de chopp claro.

Todos são gostosos, afinal, alguém tem que errar muito feio para deixar um milkshake ruim. Apenas uma coisa é absolutamente necessário: gostar de doce. Se você não é muito fã de coisas doces, existe a possibilidade de não ser conquistado pelas bebibas do Festival de Milk Shakes. Mas é difícil.

Cada taça de 300 ml custa R$17,90. Para quem tem MasterCard, o segundo milk shake sai pela metade do preço. Se você também acha que um bom hambúrguer não pode ser detonado sem a companhia de um milk shake de classe, fica a dica.

Mas fica esperto, pois o Festival vai apenas até junho.