Musculação aumenta a expectativa de vida, diz estudo

Todo mundo sabe que fazer exercício aeróbico aumenta a expectativa de vida. Sem surpresa, né? Mas temos uma novidade para você: praticar musculação também. E bastante.

Pesquisadores da Penn State College of Medicine acompanharam, ao longo de 15 anos, os hábitos esportivos de um grupo de 30 mil pessoas de 65 anos para cima. Cerca de um terço deles faleceu durante o período.

Mas entre aquelas que faziam musculação, pelo menos duas vezes por semana, a mortalidade foi 46% menor.

Por quê? Em primeiro lugar, eles apresentaram uma vida muito mais saudável — fumando menos, bebendo menos e praticamente mais atividades físicas em geral. Além disso, a musculação em si reduziu em 19% o risco de morte.

POR QUE A MUSCULAÇÃO NOS FAZ VIVER MAIS

Segundo a doutora Jennifer Kraschnewski, responsável pelo estudo, puxar ferro dá mais força ao músculo, melhora o nosso vigor, traz mais equilíbrio ao corpo e aumenta a densidade dos ossos.

Sendo assim, a chance de lesão por quedas e fraturas (que é bem alta entre os idosos) diminui consideravelmente. Outro detalhe: quando você é mais musculoso, diz Jennifer, seu corpo automaticamente queima mais calorias, o que te ajuda a manter um peso saudável.

E aí, senhores, estão esperando o que para se matricular na academia? Apenas lembrando que é fundamental, no caso de homens mais velhos, visitar um médico antes de começar a malhar e pedir para um especialista montar um treino adequado às suas condições físicas.

VÍDEO EM DESTAQUE