O grande hombre do futebol europeu no momento é Anderson Talisca, um brasileiro, de 20 anos, com apenas duas temporadas no profissional e que já alcançou um patamar para pouco no futebol mundial.

Inter de Milão, Milan e Juventus na Itália; Manchester City, Manchester United, Arsenal e Chelsea na Inglaterra; Atlético de Madrid na Espanha. Estes são alguns dos clubes interessados na contratação do talentosíssimo jogador brasileiro.

E agora Talisca acaba de ser convocado para a Seleção Brasileira no lugar de Lucas para os amistosos contra Turquia (12/11) e Áustria (18/11), como nos revelou o anúncio oficial feito hoje.

Toda esta pompa de craque e interesse de grandes clubes deve-se ao seu começo arrasador no Benfica de Portugal. Para quem lembra, ele tem um início avassalador igual ao de Kaká no Milan quando ainda era um novato em 2002. Deu no que deu, e o meia são-paulino tornou-se  o melhor do mundo em 2007.

Mas, calma. Obviamente o campeonato português é o mais fraco dos grandes europeus.

Contudo, como comentou o técnico português José Mourinho, do Chelsea, que já fez grandes elogios ao jogador e disse que acompanha o jovem brasileiro há um bom tempo, o Talisca será um dos grandes nomes do futebol em breve.

O que o fez chamar toda essa atenção? Talisca começou a jogar pelo Benfica em julho desse ano. Foram oito gols em 14 jogos, sendo titular absoluto no esquema tático de Jorge Jesus e ímpar por se adaptar a qualquer função no meio de campo. Um grande diferencial. Marcou também um gol contra o Mônaco-FRA pela Liga dos Campeões.

Tem sido considerado o craque do campeonato português nesta temporada e ganhou até um prêmio de melhor jogador do Benfica pelo sua trajetória na pré-temporada.

A chegada ao Benfica

Após uma negociação de mais de R$ 12 milhões, Talisca saiu Bahia diretamente Portugal na metade desse ano.

Nascido em Feira de Santana, no interior da Bahia, chegou ao tricolor baiano em 2009, passou pelas categorias de base e estreou em 2013. Fez um bom Campeonato Brasileiro naquele ano, apesar de seu time ter evitado o rebaixamento na última rodada (com uma vitória com gol dele). Por tal, o jogador chamou atenção do Benfica.

Sua ascensão rápida também já havia despertado o interesse de Dunga, como ficou comprovado hoje. Mas podemos dizer com tranquilidade que não foi nenhuma surpresa observar o nome deste baiano na lista da Seleção Brasileira. A dúvida, porém, é se ele conseguirá manter o fôlego deste seu  início.

O futebol brasileiro torce para que sim. E nós, do El Hombre, também.