fbpx
segunda-feira, junho 17, 2024
InícioModa masculinaPerfumesCrítica | “1 Million Elixir” não vai superar a sua expectativa

Crítica | “1 Million Elixir” não vai superar a sua expectativa

A perfumaria estremeceu com o lançamento do Sauvage Elixir, da Dior. A suposta concentração mais elevada Elixir não era só um nome, era um degrau acima do Parfum. Não só isso, a promessa é de entregar um produto de qualidade ainda maior, quando comparado aos demais da própria linha. Quase uma abordagem que mistura nicho e design.

Paco Rabanne foi a primeira empresa a surfar na nova tendência, lançando o 1 Million Elixir. Um flanker que seria, segundo a própria divulgação da empresa, mais intenso que o 1 Million Parfum. Esse último, caiu no gosto do brasileiro, justamente pela performance absurda, um dos critérios de preferência nacional.

Muita expectativa foi criada em torno dessa divulgação: “o 1 Million Elixir ainda mais intenso que o Parfum, o céu é o limite para Paco Rabanne”. Mas não, imediatamente ao borrifar a fragrância, já fica notório que ele não chega aos pés da versão antecessora.

1 Million Elixir
O anuncio do 1 Million Elixir gerou grande expectativa, muito pelo sucesso dos seus antecessores

Seguindo as novas tendências de forma muito literal

O Elixir segue as tendências modernas do mercado de uma forma muito restrita. Não traz nenhuma inovação, exceto no nome “Elixir”. Ele sequer vem na concentração maior, já que é um Eau de Toilette (assim como a versão tradicional).

O perfume abusa de notas doces e cremosas, especialmente a fava tonka. Ela é doce, cremosa e tem uma nuance que remete ao cheiro de algo industrializado, “sintético”. Junto dela, baunilha, também doce e cremosa, mas totalmente sobrepujada pela tonka. Um acorde levemente frutado, que puxa um pouco, de fato para a maçã, divulgada no topo da pirâmide olfativa. É possível sentir alguns acordes florais brancos e um pouco de madeiras, mas totalmente ofuscados pelas demais notas.

O cheiro lembra muito outros perfumes já populares e estabelecidos no mercado, como:

  • Stronger With You, de Armani;
  • Scandal, de Jean Paul Gaultier;
  • Code, também da Armani;
  • E o próprio 1 Million Lucky.

Se comparado aos perfumes da mesma linha, o lançamento fica atrás dos mais antigos. Ele é menos potente que o Parfum, é menos bem acabado que o tradicional, menos maduro e sedutor que o Privê e mais comum que o Lucky. Torna-se um mistério descobrir qual é a proposta trazida pela marca em seu lançamento, pois as motivações não ficam claras, a não ser o hype em cima do “Elixir”.

Ainda assim, em termos de fragrância e analisando-o isoladamente, não é um perfume ruim. É doce, jovem, muito adequado para um rapaz no início dos seus 20 e poucos anos. A performance é condizente para a proposta e pelo valor e é uma fragrância um tanto quanto versátil.

Ficha Técnica:

1 Million Elixir é uma fragrância masculina amadeirada, lançada em 2022, na concentração Eau de Toilette.

  • Notas de topo: Maçã e Davana;
  • Notas de coração: Osmanthus, Rosa Damascena, Cedro;
  • Notas de fundo: Fava Tonka, Baunilha, Patchouli.
  • Projeção: 30min de forma moderada.
  • Fixação: 6-8 horas.
  • Uso: casual, encontros românticos, faculdade, bares, restaurantes e eventos noturnos. Ideal para o outono, inverno e primavera.
  • Ponto forte: o frasco é bonito. Será isso um ponto forte?
  • Ponto fraco: nenhuma inovação, além de ser inferior aos demais perfumes da própria linha.

Leituras recomendadas

Matérias do El Hombre relacionadas ao assunto que você pode gostar também:

➤ Inscreva-se no canal do El Hombre no YouTube para vídeos diários de estilo, lifestyle e desenvolvimento pessoal.

Danilo Mancini
Danilo Mancini
Danilo Mancini, 31 anos, formado em Educação Física e Saúde pela Universidade de São Paulo. Apaixonado por arte, moda e perfumes. Possui um canal no YouTube dedicado a criar vídeos sobre perfumaria, com toques caricatos e irreverentes.