Quando você digita o nome “Gabriel Goffi” nas pesquisas do Google, o primeiro resultado que aparece é uma entrevista do UOL: “Brasileiro troca cursinho por pôquer e fica milionário com 4h de trabalho”. O El Hombre foi atrás exatamente deste fenômeno do high stakes nacional, que constantemente joga e ganha cifras de 5 dígitos nas mesas mais caras da internet e do Brasil, para ajudar você, querido leitor, a rapelar seus amigos no carteado da turma.

“O grande jogador é agressivo, disciplinado, frio e corajoso”, diz Goffi, cuja especialidade são as partidas de Pot-Limit Omaha com escuros de 25/50 e 50/100 dólares. “Essa é uma combinação incrível e que com certeza vai te render bons frutos.” Confira abaixo 8 dicas do jogador paulista de 24 anos e adote-as com moderação. Afinal, você não quer tirar dinheiro demais de seus amigos e ser boicotado do próximo jogo, correto?

1# SEJA AGRESSIVO

Provavelmente, o jogo da sua turma terá muitos limpers, aqueles jogadores que pagam qualquer aposta baixa independente das suas cartas. A solução? Abusar dos raises, para tentar ganhar fichas sem precisar de showdown. Há um único porém nesta estratégia: eles vão pagar muitas das suas apostas para conferir o seu jogo. Então é preciso jogar, de preferência, mãos com potencial forte e de uma maneira bem agressiva, para extrair o máximo de suas boas mãos.

2# FIQUE ATENTO AOS TIQUES

Se você jogar prestando atenção aos seus oponentes, vai descobrir inúmeros tells (tiques) que os jogadores têm como padrão em apostas fortes ou na hora de blefar. Um exemplo? Coçar a testa antes de botar as fichas na mesa ou batucar com os dedos na mesa. Quanto mais iniciante o jogador, mais marcantes suas tells serão. Portando fique atento a estes detalhes e saiba usá-los a seu favor.

3# CUIDADO COM O EGO

Algumas pessoas gostam de dizer o seguinte: “Blefar em cima de mim? Jamais.” Este é o tipo de jogador que sai quebrado no final da noite. Não deixe o seu ego te influenciar a caçar blefes. Pague a aposta apenas quando você tiver uma leitura forte do jogo dele. O orgulho não vai te ajudar aqui.

4# MANTENHA A CALMA

O tilt é um dos piores inimigos do jogador de pôquer. Ele acontece quando você perde uma grande mão e fica enlouquecido. O resultado do tilt costuma ser desastroso para o seu bolso. Lidar com esta situação não é fácil, mas você pode aprender. Eu simplesmente dou uma pausa, tomo um banho gelado, faço algumas respirações e volto para a mesa.  Ou então vejo um episódio de alguma série para me acalmar. Descubra o que funciona para você, apenas não fique cuspindo ficha com a cabeça quente.

5# SAIBA QUANDO BEBER

Um velho dilema do jogador é saber quando beber ou não. Se você for jogar num clube de pôquer para ganhar o dinheiro do mês, com certeza não é recomendável que beba durante a partida, independente disso soar anti-social ou não. Agora, no carteado da turma, em que todos estão tomando cerveja e se divertindo, as pessoas vão te olhar torto se você ficar sóbrio e se aproveitando dos amigos bêbados.

6# PENSE NA POSIÇÃO

A posição é extremamente importante no pôquer. Com ela você consegue analisar todo o cenário do jogo e, aí sim, tomar sua decisão. O ideal é apostar depois dos seus adversário, quando você está com o botão do dealer ou à direita dele.

7# ESTUDE O JOGO

As odds e estatísticas são o básico do pôquer; é importantíssimo você saber estes fundamentos. Eu sou da opinião que tudo ajuda na mesa. Qualquer coisa que você consiga adicionar ao seu conhecimento é válido, seja no aumento da confiança ou no ganhou de habilidade. Portanto não negligencia a matemática.

8# INSPIRE-SE NOS GRANDES JOGADORES

Os grandes jogadores são agressivos, disciplinados, frios e corajosos. Essa é uma combinação incrível e que com certeza vai te render bons frutos numa mesa de pôquer.

Se você deseja saber mais sobre Goffi, leia aqui a entrevista que ele concedeu a nós no final do ano passado.