fbpx

Guia para cuidar da sua barba

Felipe Lex
Felipe Lex Head de Marketing

Sabemos como o time dos barbudos vem crescendo nos últimos tempos, mas por incrível que pareça, ainda tem muito marmanjo que sequer tem ideia de como cuidar de sua própria barba. Você é um desses? Não tem problema, seguindo esses 5 passos que montamos em parceria com o  pessoal da BARBA BRAVA você vai estar sempre com sua barba alinhada, além de economizar um bom dinheiro, pois ir até uma barbearia toda a semana pode ser mais caro do que você imagina.

PASSO 1: DELINEAR E APARAR

As primeiras coisas que devem ser consideradas quando falamos em cuidados com a barba são o desenho e o comprimento. São estes os aspectos primordiais que darão uma boa aparência em seus pelos faciais, acabando com aquele ar de desleixo que fica quando eles crescem desgovernadamente e sem cuidados.

Quando falamos em delinear, isso nada mais é do que definir os limites de sua barba no pescoço e nas bochechas.

Linha do pescoço

Para ter uma barba sempre alinhada e com uma boa aparência, é bom manter este contorno bem definido. Se estiver na dúvida quanto à altura, uma dica legal é colocar um dedo sobre o gogó e usar a parte superior deste dedo como limite de sua barba.

Depois é só raspar, tomando o cuidado para não deixar essa linha muito arrendondada. O ideal é que fique levemente curvada chegando até a costeleta, onde deve subir em linha reta.

Linha das bochechas

Para os que não possuem muitos pelos na região, o melhor é deixar a marcação natural. Mas se este não for o seu caso, o ideal é definir bem essa linha.

Não existe regra para definir esse limite, mas se você quer uma dica, nós temos: é só imaginar uma linha reta que vai do ponto de partida a um ponto final. Para definir o primeiro, imagine que suas sobrancelhas continuam descendo até encontrar com sua barba – este será seu ponto de partida. O ponto final é onde a linha se encontraria com a lateral do bigode. Basta fazer a barba considerando uma linha reta entre um e outro.

Img_corte

Agora que você definiu ambas as linhas, vai precisar de um aparador elétrico de precisão ou uma lâmina para realizar o serviço. Se preferir a segunda opção, não se esqueça de usar  gel, creme ou espuma de barbear – estes produtos, além de diminuir a friccção e ajudar no deslizar da lâmina, amolecem os fios e alguns podem hidratar a pele.

APARANDO OS FIOS

Se você optou por usar uma barba mais curta, a manutenção deve ser feita em média a cada dois dias. Isso porque cada milímetro a mais de barba faz uma baita diferença no visual.

Neste caso, o ideal é ter um aparador com diferentes tamanhos de pentes ou um que seja ajustável, assim você consegue regular o comprimento dos fios. Quando for aparar, lembre-se de fezê-lo sempre no sentido do crescimento de sua barba.

Mas se você é adepto do estilo lenhador, a manutenção pode ser feita de acordo com a sua necessidade. Neste caso, o ideal é utilizar uma tesoura e um pente, mas como o processo é demorado e nem todo mundo tem tempo ou paciência, pode-se utilizar também o aparador elétrico.

Em ambos os casos você precisa pentear todas os fios no sentido do crescimento para que fiquem bem assentados.

Depois basta passar o aparador rente à superfície de sua barba, cortando apenas os fios mais longos e rebeldes – ou usar o pente para puxar uma parte da sua barba no sentido contrário, regulando o tamanho desejado, e o que sobrar para fora do pente pode ser cortado com a tesoura.

É preciso repetir o processo por toda a barba para deixá-la por igual.

PASSO 2: LAVAR SUA BARBA

Sabemos que a grande maioria dos homens aproveitam a espuma do shampoo do cabelo para lavar a barba, mas poucos sabem que isso pode ressecar tanto a pele do rosto quando os fios.

shampoo

É por isso que hoje já existe o shampoo para barba. Use-o sempre que tomar banho e da mesma forma que usa o shampoo normal. Assim você mantém os pelos faciais hidratados e livres do acúmulo de sujeira do dia-a-dia.

PASSO 3: APLICAR ÓLEO PARA BARBA

Aplicar óleo em sua barba é um processo muito simples e rápido, mas que pode fazer toda a diferença, principalmente para quem tem barba comprida. Os pelos têm a tendência de ressecar e acabam ficando com um aspecto quebradiço e desorganizado.

óleo para barba é essencial para deixar sua barba mais forte e saudável, mantendo os fios hidratados e mais maleáveis. E se você tem a pele oleosa e acha que o uso do produto pode piorar o cenário, está enganado, ele possui ingredientes que controlam a oleosidade.

oleo

É ideal usar após o banho e com a barba seca. Coloque uma pequena quantidade na mão (vai variar de acordo com o tamanho da barba), espalhe bem entre as duas mãos e pontas dos dedos, e aplique massageando sua barba por completo, desde a raiz até a ponta dos fios.

PASSO 4: PASSAR UM BALM (OPCIONAL)

Se você tem aquela barba rebelde onde cada fio aponta para uma direção, é recomendável que finalize com o balm para barba. Ele também ajuda manter seus pelos faciais hidratados, mas sua principal função é modelar, dar textura e um volume extra, adicionando uma camada de proteção e garantindo que a barba não perca o formato ao longo do dia. Ele pode ser usado em conjunto com o óleo para barba. Neste caso aplique o balm depois para modelar.

Blam

PASSO 5: PENTEAR

Manter sua barba sempre penteada e alinhada é o último passo para deixá-la com aparência limpa e de arrumada. O legal é andar com um pente para barba no bolso, assim você pode fazer a manutenção onde quer que esteja. Por serem de madeira, eles não geram estática, o que deixaria os fios espetados. Além disso, ao pentear você remove detritos acumulados entre os fios (incluindo os próprios fios soltos).

pente

POST PRODUZIDO EM PARCERIA COM BARBA BRAVA

O EL HOMBRE e a BARBA BRAVA se uniram para fazer um post especial ajudando os homens a cuidarem melhor de suas barbas.  Se você é do time dos barbudos, não deixe de acessar o site deles, onde você encontra produtos fantásticos para dar uma força no cuidado com a barba.