uvzeH2dvvdQ

Tem quase dois anos que comecei a fazer o programa do Freeletics, um método esportivo que promete fazer as pessoas ficarem em forma em 15 semanas. A ideia é oferecer treinos super intensos que trabalhem apenas com peso do corpo e que levam a pessoa a emagrecer ou ganhar massa dentro desse período.

E agora um novo aplicativo com proposta semelhante está chegando: o Runtastic Results.

Antes de explicar o que é o treino, vale lembrar que a Runtastic é uma empresa que já tem diversos aplicativos esportivos excelentes. Quando eles falam que possuem um “abrangente ecossistema de aplicativos, produtos e serviços para monitoramento e gerenciamento de dados de saúde e fitness” passam bem a ideia do que são.

Eu conheci seus programas há algum tempo, quando baixei o Runstastic Road Bike para poder controlar minhas pedaladas. Achei ótimo! Depois fiquei sabendo que eles têm aplicativo para corrida, flexão, abdominal, agachamento, mountain bike, frequência cardíaca e até um para auxiliar a dormir melhor – entre outros.

Agora a empresa surge com o Results, que é focado em musculação por meio de um treinamento personalizado de peso corporal.

O app oferece planejamentos com foco em emagrecimento, aumento de força ou ganho de massa muscular, e tem o objetivo de ser acessível à qualquer pessoa, independente do condicionamento físico.

“Se não há um treinador, como que o plano é personalizado?”, você pode se perguntar. Pois aí está um fator bem interessante do Results e que me parece ser o grande diferencial em relação ao Freeletics (ao menos em relação ao Freeletics de dois anos atrás): a personalização dos treinos.

A cada dia de trabalho (e principalmente no começo, onde se faz um teste simples) a gente registra como foi o treino para nós – fácil, muito difícil, me senti bem ou mal e essas coisas. Esses dados farão com que o programa vá se ajustando às nossas condições pessoais conforme o treino for progredindo. Assim, o planejamento respeita nossas características individuais.

ca

O que também é legal é o fato do treino ter um momento inicial de aquecimento (que pode ser pulado) e um momento final de alongamento.

São diversos exercícios distribuídos em treinos diferentes, todos eles com vídeos demonstrando a correta execução, e com níveis variando do iniciante ao avançado.

Eu fiz alguns treinamentos da primeira semana e gostei bastante da plataforma intuitiva que o Results oferece e do treino em si. Não achei que foi excessivamente forte (o que aconteceu no caso do Freeletics) e não achei moleza. Foram treinos rápidos, mas intensos.

Contudo, o mais interessante do tipo de treinamento que o Results oferece é a praticidade. Por serem treinos curtos (durando entre 15 e 45 minutos) e que não necessitam de nenhum equipamento, é muito fácil encaixá-los na rotina cotidiana, mesmo para quem é muito corrido. Ou seja, é ideal para os dias atuais.

Além do plano de treinos, o aplicativos também oferece um guia de saúde e nutrição, o que é essencial, já que os resultados dependem em grande parte não apenas do trabalho de musculação, mas da alimentação.

Para quem assinar o plano Premium terá acesso não apenas ao Results, mas a todo o ecossistema digital da Runstastic, podendo utilizar todas as funcionalidades de seus aplicativos e salvando todos os dados numa única conta para facilitar.

Para quem gosta de esporte é algo fantástico!

POST PRODUZIDO EM PARCERIA COM RUNTASTIC

run