Como não ser usado pelos outros: 5 conselhos

O homem é um bicho que, às vezes, demora para aprender as coisas. Mais de 2000 anos atrás Aristóteles, o grande filosofo grego, já nos ensinava: “A virtude consiste em encontrar o meio-termo entre dois extremos.” Em outras palavras? O equilíbrio leva à perfeição. E ainda assim muitas pessoas insistem em ser radicais em suas posições, seja no futebol, na política, na religião – e também nas relações pessoais.

Da mesma maneira que a arrogância é terrível para os nossos relacionamentos, ser exageradamente bonzinho pode te transformar num capacho das pessoas. É sobre isso que vamos falar no texto de hoje. Se você acha que está sendo usado por alguém, daremos alguns conselhos para sair dessa desagradável situação.

SINAIS DE QUE VOCÊ ESTÁ SENDO USADO

Esse cenário pode acontecer em diferentes áreas da nossa vida. Nos namoros. Nas amizades. Nas relações de trabalho. Sempre que há duas pessoas, uma ao lado da outra, existe o perigo de que alguma esteja sendo usada. Só que às vezes é difícil identificar essa situação. Você está tão acostumado com aquilo que acaba achando normal. Quais seria os sinais, portanto, de que você alguém está te usando?

➤ A vontade do outro sempre prevalece nas decisões
➤ O outro faz comentários depreciativos que te colocam para baixo
➤ Você se sente desconfortável em dizer “não”
➤ O outro pede muitos favores, mas nunca se oferece para te ajudar
➤ Quando você fala de si, o outro fica desinteressado em ouvir
➤ O outro só é legal com você quando quer alguma coisa

COMO LIDAR COM A SITUAÇÃO

Caso você tenha se identificado com pelo menos metade desses sinais, provavelmente está numa relação tóxica, em que alguém está te usando. E se gabaritou a lista, então é certeza. Mas não se sinta mal por ter percebido apenas agora. Quando estamos envolvidos nesse tipo de relacionamento, às vezes perdemos a referência de como uma relação equilibrada deveria funcionar. Aquilo nos parece algo normal – e a maioria das pessoas demora para perceber o que se passa. Mas agora que você já tem consciência, como agir? Temos alguns conselhos:

1# NÃO GUARDE RANCOR: Tente não cultivar rancor da pessoa, até porque ela pode estar agindo assim de maneira inconsciente. Nem sempre é uma atitude premeditada. E você também tem a sua parcela de responsabilidade pelo que aconteceu. Então compreenda que aquela relação desigual foi fruto das circunstâncias e pense no futuro. O passado é excelente para aprendermos com ele, mas não vale a pena ficar sofrendo pelo que já passou.

2# TRATE-SE MELHOR: Se você está sendo usado, é provável que a pessoa te coloque para baixo. O maior problema disso? Com o tempo você mesmo acaba acreditando que é um lixo. Bora reverter essa situação? Trata-se melhor. Faça uma lista das suas virtudes; depois dos defeitos que acredita ter; e pense em como resolvê-los. Se você começar a fazer exercícios físicos e se vestir melhor, isso pode te dar uma excelente injeção de autoestima. Preste atenção também à sua linguagem corporal.

3# DÊ SUAS OPINIÕES: Essa aqui é uma etapa difícil, mas muito importante. Se você continuar aceitando tudo o que o outro diz e faz, dificilmente a relação entrará em equilíbrio. Você deve se posicionar quando discordar da pessoa. Existe uma grande chance dela agir com hostilidade neste momento, porque está acostumada com você concordando em tudo. Mas você terá que sair da zona de conforto e enfrentar essa situação.

4# IMPONHA LIMITES: Quando você está sendo usado, o outro fica acostumado com você dizendo “sim” para tudo. Só que isso não é saudável. Em algum momento, você terá que aprender a dizer “não”, por mais difícil que seja. Imponha limites. Sabe o que pode te dar força nessa hora? Lembre-se de que isso é importante não apenas para o relacionamento em questão, mas também para todos os relacionamentos futuros da sua vida. Enxergue como um exercício que, no longo prazo, te trará muitos benefícios, mesmo que naquele momento pareça um sacrifício.

5# AFASTE-SE SE DO OUTRO SE ELE NÃO COMPREENDER O RECADO: Há dois desfechos possíveis depois de você tomar as atitudes listadas acima. Primeiro? A pessoa perceber que estava sendo abusiva com você e mudar de comportamento, porque apesar de ter sido inconveniente, ela realmente gosta de você, no final das contas. Segundo? A pessoa continuar intolerante e entrar em conflito com você o tempo inteiro diante desse novo cenário, porque não está afim de uma relação equilibrada. Se for o caso, o melhor é se afastar dela e sentir-se aliviado por isso. Afinal, você estará se livrando de uma verdadeira âncora para a vida.

VÍDEO EM DESTAQUE