Como fazer ceviche? Uma receita fácil e deliciosa!

Quem aí gosta de um bom ceviche? Essa receita — que pode ser conhecida como “cebiche” ou “seviche” dependendo do lugar — é uma das mais populares e saborosas da cozinha peruana. Pudera! A iguaria é uma combinação refrescante e picante, ao mesmo tempo, de peixe marinado no famoso “leite de tigre”.

Este prato típica está presente em todos os países andinos, mas o Peru foi o único a considerá-lo Patrimônio Cultural. A origem da receita é incerta. Teve o primeiro registro a 2000 a.C no litoral norte peruano, onde eram usadas frutas ácidas da Amazônia, no lugar do limão que chegou muito séculos depois, com os colonizadores.

Para quem ainda não conhece o prato, ele é uma salada fria de peixe cru temperada com suco de limão, pimenta e alguns outros ingredientes. A acidez do limão deixa a carne do peixe cozida em poucos minutos, o que cria uma caldo esbranquiçado, o famoso “leite de tigre“.

Esse caldo é usado para temperar outros pratos da região, além de ser conhecido também por curar ressaca, ser afrodisíaco e conferir força aos seus apreciadores. Verdade ou não, o que a gente tem certeza é que ele é muito saboroso!

Fácil de fazer, nutritivo e rico em sabor, o ceviche é o tipo de prato perfeito para receber pessoas na sua casa. Ele cai muito bem com uma cerveja leve bem gelada, como a plisen. Ou com um vinho branco bem fresquinho, para encontros mais intimistas.

ESCOLHENDO O PEIXE

 O mais importante nessa receita é você escolher ingredientes frescos e de qualidade. A começar pelo peixe, claro.

O peixe branco, sem músculos avermelhados e pouco gorduroso, é o mais tradicional. Em especial a corvina. Mas há outras opções mais fáceis de encontrar no mercado — como saint peter, tilápia, linguado, garoupa e salmão branco — que ficam igualmente deliciosos. Para uma versão mais colorida e saindo um pouco do tradicional, você pode optar por salmão rosa ou o atum fresco.

Escolha filés de altura média e, se não souber escolher ou cortar, sem crise. Peça ajuda ao peixeiro. Solicite a quantidade desejada em cubos. O importante é que os pedaços não sejam muito pequenos para não desmancharem na preparação.

Essa receita lhe renderá vários elogios e você conquistará o título de excelente anfitrião sem muitos esforços.  Então, sem mais delongas, bora a receita dessa iguaria peruana.

INGREDIENTES (1 PORÇÃO)

➤ 200g de peixe branco da sua preferência;
➤ 1/2 cebola roxa grande;
➤ 1 pimenta dedo-de-moça;
➤ 1 colher de sopa de coentro picado;
➤ 3 limões taiti (somente o suco);
➤ 1/4 de xícara de milho verde cozido no vapor ou enlatado (opcional);
➤ 1 colher de sopa de gengibre ralado;
➤ 1/2 colher de chá de sal;

CEVICHE: MODO DE PREPARO

PASSO 1 ➤ Corte o peixe em cubos médios. Tenha cuidado para não ficarem muito pequenos. Ou solicite ao peixeiro que corte em cubos de mais ou menos 1 cm.

PASSO 2 ➤ Em seguida, corte as cebolas em tiras de meia lua bem finas. Para ficarem da mesma espessura, use o mandolin. Se tiver mais habilidade, use faca. Coloque as fatias da cebola numa peneira e enxágue em água corrente para tirar a ardência da cebola. Em seguida, corte a pimenta ao meio na horizontal (com a lâmina da faca paralela a tábua), retire as sementes e pique em quadradinhos iguais.

PASSO 3 ➤ Coloque o peixe numa tigela e acrescente o suco dos limões. Junte os demais ingredientes no bowl misturando bem e com cuidado para não desmanchar o peixe. Deixe descansar na geladeira por 15 minutos coberto com plástico filme. Não ultrapasse esse tempo.

PASSO 4 ➤ Sirva rapidamente o ceviche em porções individuais, em bowls ou pratos fundos.

ACOMPANHAMENTOS

Os melhores acompanhamentos para um ceviche são os tubérculos. Eles ajudam a equilibrar os sabores da receita.

Opte por batata doce, inhame ou mandioquinha. Você pode servi-los cozidos, assados sem a casca ou em chips.

Você ainda pode complementar com milho assado, banana-da-terra chips ou algumas fatias de avocado, vai ficar delicioso. Prepare uma tábua com todos os complementos para enriquecer a experiência e sirva frio.